Record declara guerra à Globo com suposta delação de Palocci

Patrice Gainsbourg
Julho 17, 2017

A longa reportagem da TV Record foi exibida no programa "Domingo Espetacular", apresentado pelos jornalistas Paulo Henrique Amorim e Janine Borba.

A Rede Record passou, na noite do último domingo, matéria de 15 minutos em afirma que a Globo está em pânico e tentando impedir a delação do ex-ministro Antonio Palocci para a Lava Jato.

O ponto de partida da reportagem é uma suposta delação negociada pelo ex-ministro Antonio Palocci.

Circulam nos bastidores da TV Record que no próximo domingo (16) deverá ser levada ao ar uma reportagem considerada "bombástica", mantida à sete chaves.

Four crew members rescued after casino cruise ship hits sandbar in Goa
The Indian Coast Guard carried out medical evacuation of four patients from a vessel off Panjim coast. The vessel should be removed from the sandbar or else it will affect the Miramar beach, he said.

A Operação Lava Jato é reconhecida como a maior operação de combate à corrupção deflagrada no país e é conduzida em primeira instância, pelo juiz Sérgio Moro, a partir da décima terceira Vara Criminal da Justiça Federal de Curitiba, no estado do Paraná. A "grave" situação consistiria em demonstrar que o imóvel não estaria no nome dos donos de fato.

A Globo teria criado uma empresa de fachada no exterior, a Empire. A empresa respectiva teria como representante legal por procuração uma ex-funcionária do INSS, Lúcia Cortes Rosemburge, já aposentada desde o período de 2008.

De acordo com a Record, a Globo estaria temendo a delação de Palocci, pois ele pode "contar o que sabe sobre os negócios dos irmãos Marinho".

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL