Vice-presidente: EUA não aceitarão uma ditadura na Venezuela

Patrice Gainsbourg
Agosto 14, 2017

Cartagena, Colômbia, 14 Ago 2017 (AFP) - O presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, pediu neste domingo ao vice-presidente de Estados Unidos, Mike Pence, que desconsidere uma eventual "intervenção militar" na Venezuela, após a advertência lançada nesse sentido pelo presidente Donald Trump.

A declaração foi feita durante uma coletiva de imprensa conjunta com o presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, em Cartagena. Os dois deverão discutir a questão venezuelana, mas também o combate à expansão da produção de folha de coca e o avanço do acordo de paz com as Farc.

IS suspect fatally stabs Istanbul officer in police station
Turkey was hit in 2016 by a succession of attacks that left hundreds dead in the bloodiest year of terror strikes in its history. A police officer was martyred in Istanbul late Sunday after being stabbed by a Daesh suspect, Anadolu reported.

Desde Abril Pence visitou a Coreia do Sul, Japão, Indonésia e Austrália, participou em reuniões de segurança em Munique e Bruxelas e deslocou se também à Estónia, Geórgia e Montenegro.

"Para nós é inaceitável a instauração de uma ditadura no nosso hemisfério [ocidental]", citou as palavras de Pence em seu Twitter o jornalista Steve Herman.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL