Fifa anula partida apitada por árbitro banido nas Eliminatórias Africanas

Oceane Deschanel
Setembro 7, 2017

A partida entre África do Sul e Senegal, vencida pelos sul-africanos por 2 a 1, no dia 12 de novembro de 2016, pelas Elimintórias da Copa do Mundo será disputada novamente.

Poucos meses depois do duelo, em março, o árbitro principal do jogo, Joseph Odartei Lamptey, foi considerado culpado por influenciar no placar final do duelo e foi proibido de se envolver em qualquer atividade ligada ao futebol para o resto da vida. A FIFA mandou repetir o jogo entre África do Sul e Senegal. "O jogo vai ser repetido dentro da janela internacional em novembro de 2017, com a data exata a ser confirmada no seu devido tempo", revelou o organismo máximo do futebol mundial no seu site oficial. Joseph Lamptey assinalou mão na bola de um do senegalês Koulibaly na área da sua equipa, para surpresa de todos. A Fifa resolveu fazer isso por uma suspeita de manipulação de resultados.

Na partida de 2016, a África do Sul venceu Senegal por 2 a 1, jogando em casa, com gols de Hlatshwayo e Serero. Veja o lance que motivou a erradicação de Lamptey, de 42 anos, no vídeo abaixo. Senegal tem cinco pontos.

Burning Man voltou ao deserto, este ano marcado por uma morte
Resgatado por uma equipa de bombeiros, foi depois transportado para o hospital, onde não sobreviveu aos ferimentos. Sara Sampaio aproveitou a ocasião para dedicar umas palavras de amor ao seu companheiro nas redes sociais .

Com isso, a África do Sul perde os 3 pontos que havia conquistado na partida e fica com apenas 1 ponto, na lanterna do grupo D. Se vencer, retoma seus quatro pontos e permanece na briga por uma vaga no Mundial.

A definição das Eliminatórias Africanas será em novembro.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL