"O Sporting é muito perigoso" — Besnik Hasi

Oceane Deschanel
Setembro 12, 2017

Olympiacos e Sporting defrontam-se, às 19:45 de terça-feira, em Atenas, em desafio da primeira jornada do grupo D da Liga dos Campeões, arbitrado pelo húngaro Viktor Kassai.

Rui Patrício avisou esta segunda-feira, na antevisão da estreia para a Liga dos Campeões, para a qualidade do setor atacante do Olympiacos, mas também puxou dos galões e afirmou que o Sporting não é uma equipa qualquer. Não estamos aqui para lutar pelo terceiro lugar, porque quem faz isso fica condenado a perder. As vitórias dão confiança e chegamos aqui com a máxima confiança e força.

Sobre o adversário desta noite, Bruno de Carvalho constatou que "é o clube grego com mais prestígio internacional e ganhou dez títulos na última década" tendo ainda dado a sua opinião técnica sobre os futebolistas mais importantes do adversário.

Já temos mais golos do que o queríamos, não podíamos ter sofrido, para nós já é demais.

'It' de Stephen King esmaga recordes de bilheteira
Em Portugal, 'It' teve este fim de semana a primeira exibição no festival MotelX , com sessão esgotada e muitos elogios.

Elogiou especialmente a linha de ataque, "com jogadores criativos e com fantasia no plano ofensivo, como Fortounis, Seba e Marin, todos eles já bem conhecidos e referenciados na preparação do jogo". Os clubes que não fazem parte da elite económica do futebol têm de fazer boas vendas para continuarem viáveis economicamente. "Amanhã, sem dúvida que não sofrer é meio caminho andado para vencer o jogo", rematou.

Dois tubarões? Jogo é uma de duas finais? Compraram para o campeonato, mas também para a Liga dos Campeões.

"Estamos mais preparados, estamos melhor este ano, temos jogadores com mais experiência, focados em fazer o melhor em prol da equipa", reforçou. "Cada jogo é para ganhar e dar o melhor, seja contra o Olympiakos, o Barcelona ou a Juve", apontou. Estamos melhores este anos, jogadores mais experientes, que já jogaram na Champions, isso é muito importante. "Agora temos de o demonstrar dentro de campo", frisou, apontando ainda como objetivo manter a baliza inviolada. E os seus adeptos? É o mais importante.

O guarda-redes 'leonino' considera ainda que o ambiente "fervoroso" no estádio Karaskaikis "não será problema" - "todos os jogadores gostam de jogar nesses ambientes".

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL