Animal misterioso deu à costa após passagem de furacão Harvey

Patrice Gainsbourg
Setembro 14, 2017

A passagem do furacão Harvey pelos Estados Unidos no fim de agosto fez surgir um animal misterioso em uma praia do Texas.

Foi, aliás, esse o motivo que levou Preeti Desai àquela praia, ajudar nos trabalhos de limpeza após a tempestade.

O pedido dela foi encaminhado ao biólogo e especialista em enguias Kenneth Tighe, que acredita que se trate de uma enguia do tipo Aplatophis chauliodus, da família Ophichthidae, pertencente à ordem dos anguilliformes - das enguias e moreias.

Corinthians decepciona e Ponte sofre na mão do Sport — SUL-AMERICANA
Jogando na Ilha do Retiro, em Recife , o time de Vanderlei Luxemburgo não teve dificuldade para vencer a Ponte Preta por 3 a 1. Aos seis minutos, Mena cobrou escanteio na área, Diego Souza cabeceou no canto esquerdo e Aranha fez ótima defesa.

Com o nome científico de "Aplatophis chauliodus", é uma enguia marinha de águas tropicais, que vive nas águas do oceano Atlântico oeste, entre o Golfo do México e a Guiana Francesa, a uma profundidade que varia entre os 30 e os 100 metros. As imagens, feitas por uma pesquisadora que passava na praia de Texas City, foram publicadas no Twitter e mostram o corpo de um animal aparentemente marítimo e com presas deitado na areia. Ela cuida do setor de mídias sociais na Audubon Society, organização americana voltada para a conservação de pássaros. "Foi completamente inesperado, não é algo que você normalmente encontra na praia", disse ela à BBC. "Não era um monstro". "Há uma comunidade enorme desse pessoal que é muito útil, especialmente quando é preciso buscar respostas sobre o mundo e identificar animais e plantas".

Desai disse que postou as imagens no Twitter porque muitos cientistas usam a rede social.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL