Brasil indica 'Bingo' para concorrer ao Oscar

Eloi Lecerf
Setembro 15, 2017

O filme Bingo foi escolhido para representar o Brasil na disputa pelo Oscar de melhor produção estrangeira.

Também estavam concorrendo à indicação os filmes "A Família Dionti", "A Glória e a Graça", "Café - Um Dedo de Prosa", "Cidades Fantasmas", "Como Nossos Pais", "Corpo Elétrico", "Divinas Divas", "Elis", "Era O Hotel Cambridge", "Fala Comigo", "Gabriel e a Montanha", "História Antes da História", "Joaquim", "João, o Maestro", "La Vingança", "Malasartes e o Duelo com a Morte", "O Filme da Minha Vida", "Polícia Federal - A Lei é Para Todos", "Por Trás do Céu", "Quem é Primavera das Neves" e "Real - O Plano por Trás da História". Já o diretor Daniel Rezende é conhecido por seus trabalhos em "Tropa de Elite" (2007), "Diários de Motocicleta" (2004) e "Cidade de Deus" (2002). O anuncio foi feito dia (15/09/2017) pela Academia Brasileira de Cinema.

Polícia Federal apura desvio de recursos e prende reitor da UFSC
Com a prisão de Cancellier, o Pró-Reitor de Extensão da UFSC , Rogério Cid Bastos, assume a reitoria da universidade interinamente.

O filme foi escolhido por uma comissão indicada pela Academia Brasileira de Cinema, a qual anunciou que "Bingo" foi eleito por "expressar o universo brasileiro, ter uma boa linguagem cinematográfica e compreensão mundial". O longa passará por uma série de avaliações até o dia 23 de janeiro de 2018, quando serão anunciados os finalistas da premiação, prevista para 4 de março. Na edição 2017, 88 países indicaram filmes para a disputa, vencida pelo drama iraniano O Apartamento.

Estamos na torcida para que o palhaço Bingo traga o troféu para o Brasil! O Brasil não concorre ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro desde 1999.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL