Morre o ator Harry Dean Stanton, de Twin Peaks

Rebecca Barbier
Setembro 16, 2017

Harry Dean Stanton, um ator que apareceu em dezenas de filmes incluindo "Repo Man - A Onda Punk", "Rebeldia Indomável" e "Paris, Texas", além da sequência da série de televisão "Twin Peaks", morreu nesta sexta-feira aos 91 anos, disse seu agente.

De acordo com o agente John Kelly, Stanton morreu pacificamente no hospital Cedars Sinai, em Los Angeles, afirmou em comunicado.

Staton teve uma carreira bastante eclética, tendo trabalhado em Poderoso Chefão II, Alien - O Oitavo Passageiro, Vingadores e Garota Rosa Shocking.

Benfica: Simão Sabrosa aceita cargo rejeitado por Nuno Gomes
O cargo era para Nuno Gomes, mas este declinou por considerar uma despromoção após ter sido diretor da academia do Seixal. O antigo internacional jogou no Benfica entre 2001 e 2007, antes de sair para o Atlético de Madrid.

A sua interpretação de um pai amnésico no filme "Paris, Texas", com guião de Sam Shepard e banda sonora de Ry Cooder, valeu ao realizador Win Wenders a Palma de Ouro no festival de cinema de Cannes em 1984. O ator também foi colaborador de David Lynch, participando desde Coração Selvagem ao revival de Twin Peaks.

Harry Dean Stanton nasceu em 1926, em West Irvine, no estado de Kentucky, e foi cozinheiro das tropas norte-americanas na Segunda Guerra Mundial.

Os trabalhos mais recentes de Stanton incluem o patriarca polígamo Roman Grant na série de TV "Big Love" e a dublagem da animação "Rango", junto com Johnny Depp.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL