IPCA fica em X em setembro, aponta IBGE

Eloi Lecerf
Outubro 6, 2017

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou nesta sexta-feira (6) que em setembro, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo ( IPCA ) apresentou variação de 0,16% - resultado inferior aos 0,19% de agosto. Em agosto, o custo havia fechado em R$ 1.055,18.

No ano, o índice acumulou 1,78%, bem abaixo dos 5,51% em igual período do ano passado. Foi a menor alta acumulada para o período desde 1998 (1,42%).

Em relação aos últimos 12 meses, o IBGE apontou uma variação de 2,54% - superior aos 2,46% dos últimos 12 meses interiores.

Os alimentos e bebidas registraram a quinta queda consecutiva na pesquisa (-0,41%).

Samsung Expected To Make A Ton Of Money From iPhone X Sales
The ZeroLemon Galaxy Note 8 case has a four-color LED embedded in the power button that indicates the amount of charge left. For instance, everyone knows Samsung and Apple are still at war when it comes to various patents and intellectual property.

As passagens aéreas saltaram 21,90% no mês, o equivalente a um impacto de 0,07 ponto porcentual sobre o IPCA. "A gasolina subiu menos que o mês passado, mas ainda assim subiu com força este mês, assim como o etanol", afirmou Gonçalves. Em setembro, a queda foi de 0,41%, com destaque para o consumo em casa, que teve retração de 0,74%. Essa queda teve influência de itens como o tomate (-11,01%), o alho (-10,42%), o feijão-carioca (-9,43%), a batata-inglesa (-8,06%) e o leite longa vida (-3,00%). Isso porque a conta da energia elétrica ficou em média 2,48 por cento mais barata devido à entrada em vigor da bandeira tarifária amarela no mês. Em agosto, a bandeira tarifária vigente era a vermelha, incidindo um adicional de 0,03 centavos a cada kWh consumido.

Já nos últimos 12 meses, o índice recuou para 1,63%, ficando abaixo do 1,73% nos 12 meses imediatamente anteriores.

"Inflação acumulada no ano é a mais baixa em 19 anos".

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL