Após deixar 22 mortos, tempestade Nate segue para o México

Patrice Gainsbourg
Outubro 7, 2017

Hoje, a tempestade avança sobre a província mexicana de Yucatán e pode se transformar em furacão de categoria 1, com ventos de até 150 km/h, no mar do Golfo do México, antes de chegar à região de Nova Orleans e Lousiana, nos Estados Unidos na madrugada de amanhã (7). A maioria das vítimas fatais era de Nicarágua, que contabiliza 11 mortos e sete desaparecidos. Na Costa Rica, cerca de 400 mil pessoas foram prejudicas com a falta de água e milhares precisaram abandonar suas casas. "É melhor estar atrasado do que não chegar lá". O governador Rick Scott declarou estado de emergência em 29 municípios na tarde de quinta-feira. Na região, entre quarta-feira e ontem (5), o volume de água foi 215 litros por metro quadrado, de acordo com o Instituto de Meteorologia costarriquenho. O duelo passou desta sexta, às 23 horas (de Brasília), para sábado, às 19 horas, no estádio Nacional, na capital San José.

Se realmente subir de categoria, Nate vai se tornar o 14° furacão da temporada deste ano no oceano Atlântico. Quando atingirem Nova Orleans, nos Estados Unidos, no sábado, os ventos fortes poderão ir se enfraquecendo, voltando à categoria de tempestade.

IPCA fica em X em setembro, aponta IBGE
Em relação aos últimos 12 meses, o IBGE apontou uma variação de 2,54% - superior aos 2,46% dos últimos 12 meses interiores. Em agosto, a bandeira tarifária vigente era a vermelha, incidindo um adicional de 0,03 centavos a cada kWh consumido.

Plataformas petrolíferas no Golfo do México também foram evacuadas.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL