Carro atropela pessoas próximo a museu em Londres

Patrice Gainsbourg
Outubro 7, 2017

Um carro invadiu neste sábado (07/10) a calçada nos arredores do Museu de História Natural em Londres, deixando vários pedestres feridos, informou a polícia da capital britânica.

Uma jornalista da BBC, que estava a sair do Museu de História Natural no momento do incidente, falou com a polícia, que a terá informado que os ferimentos dos transeuntes são ligeiros.

Uma testemunha, Lesley Carter, disse ao Guardian que o suspeito foi agarrado por populares, que o detiveram antes de a polícia chegar.

Xuxa sobre "Amor Estranho Amor: "Querem me chamar de pedófila, chamem"
Em um ao vivo de mais de duas horas publicado no Facebook, ela falou sobre o assunto: "Não gosta de mim, não tem problema". Querem me chamar de garota de programa, querem me chamar de pedófila porque fiz um filme quando tinha 18 anos, chamem.

A agência Reuters acrescenta que, segundo as autoridades, se tratou de uma "colisão" e que as circunstâncias do acidente estão a ser investigadas. "Vi o homem ser preso por cerca de seis pessoas. Um homem estava a tentar travá-lo com a filha de quatro ou cinco anos ao colo".

O caso deixa as autoridades em alerta por conta do histórico recente de ataques com veículos em grandes cidades europeias, e o nível de ameaças no Reino Unido é considero alto.

Segundo a polícia, "há um número indeterminado de peões feridos" e "um homem foi detido (sem mais deltalhes)". No mesmo mês, uma carrinha foi contra os fiéis que se encontravam numa mesquita no norte de Londres, matando uma pessoa. Chloe Hayward, uma repórter do canal britânico que saía do museu quando se deu o incidente, disse: "Vi um carro ma estrada na diagonal, como se tivesse ido contra um dos passeios, e uma multidão junto a uma ou duas pessoas no passeio. Nós estamos trabalhando com a Polícia Metropolitana e iremos divulgar informações atualizadas quando tivermos", diz o comunicado.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL