Nigéria é a primeira africana garantida na Copa

Patrice Gainsbourg
Outubro 8, 2017

O Burkina Faso marcou o golo de honra aos 87, por Alain Traoré, mas a África do Sul jogou a última meia hora reduzida a dez unidades por expulsão de Zungu, antigo médio do Vitória de Guimarães, aos 67.

A Nigéria se tornou o primeiro país africano a se classificar para a Copa do Mundo da Rússia-2018, neste sábado, depois de vencer a Zâmbia por 1 a 0 com gol de Iwobi.

O atacante do Arsenal, Alex Iwobi, foi o nome responsável por colocar a seleção no Mundial.

A seleção ganesa, necessitava de vencer para aspirar à qualificação para o Mundial2018, mas não conseguiu fazer um golo e no final fez um protesto formal alegando um fora de jogo inexistente num lance que terminou com a bola no fundo das redes ugandesas.

Croácia: Zlatko Dalic é o substituto de Antom Cacic na seleção
Apesar de a Croácia ainda poder passar os islandeses, será uma tarefa difícil, já que a Islândia joga em casa frente ao Kosovo. Também pelo grupo I nesta sexta-feira, a Croácia recebeu a Finlândia e ficou no empate por 1 a 1.

No grupo A, a Tunísia venceu Guiné por 4 a 1 e precisa de um empate contra a Líbia, em casa, na última rodada, em novembro, para garantir a vaga. Ainda restam quatro vagas indefinidas no continente africano. Mas o Egito, que tem nove, pode garantir a classificação neste domingo se vencer o lanterna Congo, em casa.

No entanto, o jogador do Konyaspor Wilfred Moke recolou a seleção congolesa na dianteira do marcador e garantiu três pontos que ainda mantém ténues esperanças de qualificação no Grupo A.

No outro confronto do grupo B, Camarões venceu a eliminada Argélia por 2 a 0, chegando a seis pontos, apenas um a menos que a vice-líder Zâmbia.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL