Morre mais uma criança vítima da tragédia de Janaúba

Judith Bessette
Outubro 9, 2017

Mais uma criança que sobreviveu ao ataque a uma creche de Janaúba (MG) recebeu alta médica neste domingo (8).

De acordo com a assessoria de imprensa do Hospital João XXIII, em Belo Horizonte, a criança que morreu foi a menina de quatro anos que havia sido transferida de Montes Claros nesta madrugada.

Nigéria é a primeira africana garantida na Copa
Mas o Egito, que tem nove, pode garantir a classificação neste domingo se vencer o lanterna Congo, em casa. O atacante do Arsenal, Alex Iwobi , foi o nome responsável por colocar a seleção no Mundial.

Duas funcionárias da creche, que estão em estado grave, foram transferidas de helicóptero de Janaúba para Belo Horizonte, na manhã desta sexta-feira.

Também morreram o autor do crime, o vigia Damião Soares dos Santos, e a professora Heley de Abreu Silva Batista, de 43 anos, que mesmo com o corpo em chamas, salvou diversas crianças. Segundo o Corpo de Bombeiros, a vítima é Talita Vitória Bispo. As crianças ficaram internadas em observação porque tiveram contato com a fumaça. Ludmila Cristine Ferreira Silva, de 6 anos, estava internada no Hospital Universitário Clemente de Faria, em Montes Claros. A creche em que elas estavam foi incendiada pelo vigia noturno Damião Soares dos Santos, de 50 anos, segundo a polícia. Unidade é referência no estado em tratamento de queimaduras. Alguns apresentaram tosse leve. A nona vítima da tragédia é a professora Helley de Abreu Batista, de 43 anos. Entre os feridos que seguem em hospital, 39 são crianças. As duas mulheres e nove crianças estão em estado grave. O marido dela entrou em desespero.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL