Trump ameaça contestar licença da NBC após reportagem sobre nuclear

Patrice Gainsbourg
Outubro 12, 2017

"Isto é mau para o país!", escreveu o Presidente norte-americano no Twitter.

A cadeia NBC News noticiou na semana passada que no final de uma reunião no Pentágono, em julho, Tillerson disse que Trump era um imbecil [moron] e ameaçou despedir-se devido a divergências com o presidente dos EUA.

Donald Trump diz que está disposto a fazer um teste de QI (quociente de inteligência) com o seu secretário de Estado, Rex Tillerson, para comprovar os graus de inteligência de cada um.

A Fazenda: Veja quem é o Fazendeiro da semana
Nahim criticou o ex-BBB, disse que ele não respeita os participantes mais velhos e que deveria ter sido expulso por agredi-lo. Ninguém entendeu porque Nahim quis ignorar esta informação, sendo que o público sabe muito bem o que aconteceu.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, sugeriu nesta quarta-feira, 11, punir redes de televisão por causa de "todas as notícias falsas" que foram divulgadas recentemente, ao acusar a rede de televisão NBC de "inventar" uma história sobre sua posição perante o arsenal nuclear do país. "Ficção completa com o objetivo de prejudicar. NBC=CNN", adiantou o Presidente norte-americano, antes de se interrogar sobre a possibilidade de suprimir as licenças de alguns meios de comunicação. As palavras de Trump, entretanto, podem inibir o trabalho jornalístico da emissora. Na verdade, a NBC não tem uma simples licença; além das onze emissoras de televisão próprias, tem cerca de 200 afiliadas por todo o país.

O que pensa Donald Trump sobre o armamento nuclear?

Em dezembro defendeu no Twitter que os Estados Unidos "devem reforçar fortemente e aumentar a sua capacidade nuclear" e em janeiro pediu numa ordem executiva que fosse analisada a necessidade de modernizar o arsenal nuclear dos Estados Unidos para garantir que o seu poder dissuasor se mantém.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL