Campeonato Brasileiro: veja onde assistir a Atlético-GO x Palmeiras ao vivo

Vincent De Villiers
Outubro 16, 2017

No primeiro jogo desde a saída do técnico Cuca, disputado na tarde de domingo, o Palmeiras ganhou do Atlético-GO por 3 a 1, no Estádio Olímpico. Já o Palmeiras vencendo pularia para 3º com 47 pontos, passando Grêmio (4º) e Cruzeiro (3º) que já jogou nesta rodada. Keno pela ponta direita foi o terror da defesa atleticana usando e abusando de sua velocidade e habilidade, e aos 20 minutos do primeiro tempo, ele recebeu na velocidade uma bola enfiada pelo lado direito da grande área, dominou a bola e cortou a defesa do Atlético GO com um lindo drible e tocou rasteiro para dentro da aréa, onde achou livre o William que só dominou e chutou para o fundo do gol. Na última posição desde a décima rodada, o time completou 27 rodadas entre os quatro últimos colocados e está com apenas 26 pontos. "Foi só cansaço mesmo", afirmou Keno, que deve ser mantido para o duelo contra a Ponte Preta, às 20 horas (de Brasília) de quinta-feira, no Pacaembu. Na quarta, o Atlético-GO joga em Goiânia, desta vez contra o Vasco, no Serra Dourada.

Aos 43 minutos da etapa inicial, em mais uma jogada iniciada pela direita, o Palmeiras aumentou. Nas imagens da televisão é possível ver Dudu empurrando o lateral Jonathan antes da conclusão de Willian. Ele arrancou próximo do meio-campo, invadiu a área e, com a marcação do Atlético-GO à frente, recorreu a um toque de cobertura para encontrar Moisés.

Questionado sobre o lance, Dudu hesitou, mas admitiu o contato com o adversário. Mas houve falta, e o árbitro não deu.

Campeonato Brasileiro: veja onde assistir a Bahia x Corinthians ao vivo
A última oportunidade em que o camisa 20 esteve com o grupo foi em agosto, contra a Chapecoense, em vitória paulista por 1 a 0. O resultado fez o Bahia , que há duas rodadas fazia as contas para evitar o rebaixamento, chegar ao 10º lugar, com 35 pontos.

Walter, cobrando pênalti com cavadinha, ainda descontou para o lanterna. Inconformado, o ala do time goiano imediatamente reclamou com o árbitro adicional.

ATLÉTICO-GO: Marcos; Jonathan, Gilvan, William Alves e Bruno Pacheco; Ronaldo, Paulinho (André Castro, aos 25'/2ºT), Andrigo, Jorginho (Eduardo Bauermann, aos 36'/2ºT) e Luiz Fernando (Niltinho, aos 13'/2ºT); Walter. Técnico: João Paulo Sanches. Assim, o Verdão vem com Prass; Mayke, Dracena, Juninho e Egídio; Thiago Santos, Tchê Tchê Tchê e Moisés; Dudu, Willian e Deyverson.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL