Neymar se desentende com técnico do PSG, diz jornal

Vincent De Villiers
Outubro 23, 2017

Uma falha da zaga do PSG permitiu ao Olympique o segundo gol.

O clássico entre Paris Saint-Germain e Olympique de Marselha terminou empatado em 2 a 2 neste domingo (22), no estádio Vélodrome.

A equipa da casa, que teve Rolando a titular no centro da defesa, adiantou-se no marcador logo aos 16 minutos através de um golo de Luiz Gustavo. No entanto, quem saiu na frente no placar foi o time da casa. Neymar deixou tudo igual aos 33 minutos.

Corea del Norte estaría "a meses" de poder bombardear EEUU
Además, aseguró que el presidente "ha dejado muy en claro que está preparado para garantizar que Kim Jong-un no tenga capacidad de poner a Estados Unidos bajo riesgo".

A partida vinha movimentada e aos 33 minutos do segundo tempo, Thauvin aproveitou cruzamento de N'Jie e colocou o Olympique em vantagem novamente. O camisa 10 recebeu um belo passe de Rabiot e mandou de canhota no canto esquerdo do goleiro. "Neymar argumentou que o jogo tinha sido jogado dois dias antes, que ele já tinha descansado e que precisava treinar", disse uma pessoa próxima a Neymar ao jornal francês.

Tudo parecia complicar-se para o PSG quando Neymar viu o cartão vermelho após um empurrão a Ocampos que lhe custou o segundo amarelo - dois minutos antes já tinha visto outro, na sequência de um desentendimento com Sanson -, mas Cavani voltou a ser providencial, fazendo a igualdade quando já ninguém esperava. Nos acréscimos, Cavani conseguiu cavar falta perto da área e por ironia do destino, aproveitou a ausência de Neymar para cobrar com perfeição, garantindo o empate e a invencibilidade do PSG no campeonato.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL