Quase 30% dos inscritos no Enem ainda não confirmaram local de prova

Patrice Gainsbourg
Ноября 2, 2017

Além disso, outro ponto do edital do Enem retira até 20% da nota da redação caso haja desrespeito aos direitos humanos. A coletiva conta com a presença do Ministro da Educação, Mendonça Filho, e da presidente do Inep, Maria Inês Fini. "O respeito aos direitos humanos é um pressuposto democrático".

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pela aplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), informou que irá tomar providências para responsabilizar e eliminar pessoas que possam ter se beneficiado de esquemas de fraudes na edição de 2016 do exame. "Os critérios de correção foram estabelecidos desde a criação do Enem e foram festejados pelos professores da Língua Portuguesa". O Sul concentra 710.948 inscrições e o Centro-Oeste, 563.096. Para saber onde fará o Enem, o candidato deve acessar o site ou o aplicativo do exame. Maria Inês informou que, a partir de hoje e-mails deverão ser encaminhados para aqueles que ainda não acessaram a página.

Os portões de todos os locaiss de prova vão abrir ao mesmo tempo, ao meio dia, horário de Brasília.

O Enem será aplicado nos próximos 2 domingos: 5 e 12 de novembro.

O Inep disse que ainda não foi notificado sobre essa operação.

A maioria dos candidatos que farão o Enem já sabe que não pode fazer qualquer consulta ou receber e repassar informações sobre o conteúdo das provas.

Читайте также: Versão de PUBG para Xbox One ganha data de lançamento

Mendonça também citou o reforço de medidas para garantir a segurança das provas. Apesar disso, um protocolo já antigo de atuação da Polícia Federal no esquema de aplicação das provas é mantido pelo governo.

Detectores de metal também serão instalados, a exemplo do que já foi realizado no ano passado.

O cartão-resposta e a folha de redação, também com o nome do candidato, virão encartados no caderno de questões e serão entregues a partir das 13h. Assim como em edições anteriores, será feita a identificação biométrica e a estratégia de provas com cores distintas.

As provas serão aplicadas em 12.432 espaços educacionais de 1.725 municípios. No segundo domingo, candidatos terão 4 horas e 30 minutos para responder às questões.

Novidade neste ano, os detectores de aparelhos de ponto eletrônico de ouvido serão usados de forma experimental em alguns locais de prova. Isso significa que em regiões do Brasil que estão sob o fuso horário diferente do da capital, os candidatos devem ficar atentos às mudanças de horário. O valor per capita é de R$ 87,54. No ano passado, a prova custou R$ 90,64 por aluno. A duração do exame será de cinco horas e meia.

Cerca de 23 mil agentes de segurança pública trabalham na segurança do Exame. De acordo com informações do MEC, não há até o momento notícias de fraudes envolvendo a prova.

При любом использовании материалов сайта и дочерних проектов, гиперссылка на обязательна.
«» 2007 - 2017 Copyright.
Автоматизированное извлечение информации сайта запрещено.

Код для вставки в блог

Outros relatórios

Discuta este artigo