'É o Tchan' é investigado por placas de 'ordinária' e 'inocente

Oceane Deschanel
Novembro 10, 2017

O Ministério Público do Estado da Bahia abriu um processo investigativo para retirar o texto das placas dos banheiros do Clube Espanhol, em Salvador, onde o grupo É o Tchan ensaia. Na porta do sanitário feminino estava escrito "Ordinárias" e, no masculino, "Inocentes".

Quem é fã da banda, reconhece a referência aos bordões do Compadre Washington "quebra, ordinária" e "sabe de nada, inocente".

Estado Islâmico contra-ataca e retoma metade da cidade síria de Bukamal
Desencadeada em 2011, a guerra na Síria já causou mais de 330.000 mortos e obrigou milhões a abandonarem as suas casas. O Hashd al Shaabi, dominado por forças xiitas, ajuda as tropas governamentais iraquianas em seu combate contra o EI.

A promotora Lívia Vaz abriu o processo com base em fotos que viralizaram nas redes sociais. Apesar de a investigação ainda não ter chegado ao fim, a promotora afirmou que já vai expedir uma recomendação extrajudicial para que o evento não faça mais inscrições desse tipo nos banheiros.

A produção do Ensaio do É o Tchan disse que não foi notificada pelo MP sobre a investigação. A próxima edição está confirmada para o dia 19 de novembro.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL