Zverev bate Cilic no segundo jogo das finais ATP

Patrice Gainsbourg
Novembro 15, 2017

A partir daí, porém, o alemão iniciou uma forte reação, aproveitou os dois break points cedidos por Cilic e aplicou o 6/4 que lhe garantiu o triunfo inédito para ele em uma partida de ATP Finals.

Já o brasileiro Bruno Soares e o britânico Jamie Murray, derrotados na primeira rodada, terão pela frente, às 16 horas, o croata Marcel Granollers e o croata Ivan Dodig na luta para se manterem vivos na luta por uma vaga nas semifinais. Com duas derrotas, o croata vive a situação mais complicada no grupo liderado pelo suíço, que ainda não perdeu sets. Na próxima rodada, o suíço encara Cilic e o alemão desafia Sock.

Crescimento do PIB português desacelera no terceiro trimestre
Já quando se verifica quais os contributos para a variação em cadeia do PIB de 0,5%, observa-se a tendência inversa. A economia cresceu 2,5% entre julho e setembro, em comparação com o mesmo perído do ano passado.

O jogador helvético não enfrentou qualquer ponto de "break" e só preciso de concretizar um dos seis de que beneficiou, logo no primeiro jogo do encontro. A igualdade no placar, por sua vez, deu confiança ao experiente tenista, que voltaria a conseguir uma quebra no quarto game do terceiro set para fazer 3/1 e se ver próximo de um triunfo de virada.

No segundo set, porém, Cilic fez valer sem nenhum susto a força do seu saque, converteu um de quatro break points para abrir vantagem e depois fechou em 6/3. No quinto game, o número 5 do mundo sentiu a pressão do adversário cometeu duas duplas faltas seguidas, aproveitadas por Sock, que quebrou mais uma vez o saque do Cilic. Desta vez, ele confirmou a quebra e abriu 3 a 1. Em uma das partidas do dia, o norte-americano Ryan Harrison e o neozelandês Michael Venus desbancaram o favoritismo do finlandês Henri Kontinen e do australiano John Peers, cabeças de chave número 2 da competição, com uma vitória por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 7/6 (10/8). Tudo indicava para um fim de partida tranquilo, mas Sock não desistiu e foi buscar o resultado. O croata começou melhor, mas o americano correu atrás do placar e marcou dois pontos impressionantes em sequência.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL