EUA impõe sanções a quatro generais venezuelanos

Patrice Gainsbourg
Janeiro 6, 2018

Os Estados Unidos impuseram nesta sexta-feira (5) sanções para quatro políticos venezuelanos, incluindo um ex-ministro acusado pela oposição de corrupção na importação de alimentos.

Como resultado das sanções, todos os eventuais ativos destes quatro funcionários nos EUA serão congelados, e ficarão proibidos de ter relações comerciais com cidadãos americanos. "Os membros das Forças Armadas venezuelanas podem evitar sanções respeitando o estado de direito e mudar seu comportamento", afirmou a porta-voz.

Bianca Bin faz convite para ritual com uso de sangue menstrual
A atriz faz questão de dizer que, embora seja um exercício bastante simples, é bastante poderoso e profundo para as mulheres. O sangue pode ser entregue também diretamente a uma planta específica, que tenha um significado especial para a pessoa.

O ministro da Defesa da Venezuela, Vladimir Padrino López, declarou que as sanções do governo dos EUA contra os militares venezuelanos não conseguem intimidar a honra da Força Armada Nacional Bolivariana. "Maduro e seu círculo continuam colocando os seus interesses acima dos do povo venezuelano".

Classificada pela oposição como manobra do presidente Nicolás Maduro para estabelecer uma ditadura, a Constituinte não é reconhecida pelos Estados Unidos.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL