Oprah mostra como foi atingida pelos deslizamentos de terra mortal

Patrice Gainsbourg
Janeiro 11, 2018

As autoridades norte-americanas confirmaram nesta quinta-feira (11) que subiu para 17 o número de mortos que foram vítimas de deslizamentos de terra na Califórnia. As equipes de resgate ainda buscam por ao menos 13 desaparecidos.

"Enquanto temos a esperança de que isso não aconteça, acreditamos que este número aumentará enquanto continuamos buscando pessoas que ainda estão desaparecidas", disse o xerife Brown.

Os bombeiros publicaram no Twitter fotos de rios de lama correndo pelos bairros, casas destruídas, carros esmagados e rotas cobertas por árvores caídas.

Além das 15 mortes, 25 pessoas ficaram feridas em uma área onde "dezenas de pessoas" foram resgatadas de helicóptero e muitas por terra. Além de Oprah, a propriedade da apresentadora Ellen DeGeneres também foi antingida, ambas na comunidade costeira de luxo de Montecito.

Oprah divulgou, nas suas redes sociais, um vídeo no qual aparece com lama até os joelhos diante de sua mansão em Montecito.

Anitta é indicada ao prêmio iHeartAwards e internautas surpreendem na internet
Se 2017 definitivamente foi o ano de Anitta , 2018 só promete alavancar ainda mais a carreira da poderosa. A categoria inclui músicos, compositores, youtubers e outras personalidades influentes nas redes sociais.

Entretanto, apenas entre 10% e 15% dos moradores cumpriram as ordens obrigatórias, disse uma porta-voz do Departamento de Incêndios do distrito de Santa Barbara.

"Minha família tem uma casa aqui há 30 anos e jamais vi algo assim", explicou Melissa Ausanka-Crues, uma enfermeira de 29 anos.

Mais de 50 km da autopista 101, que atravessa a Califórnia de norte a sul, foram interditados porque a lama bloqueou várias rotas e destruiu casas.

Grande parte da zona afetada já tinha sido recentemente atingida pelo voraz incêndio Thomas. Em sua passagem, as chamas acabaram com as vegetações necessárias para absorver o excesso de água, tornando esse terreno mais suscetível às inundações.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL