Sai Fernando Pinto, entra Antonoaldo Neves — TAP

Rebecca Barbier
Janeiro 13, 2018

No final do mês, Fernando Pinto vai abandonar a presidência executiva após 17 anos de liderança da TAP, sendo substituído por Antonoaldo Neves. A notócia foi avançada pelo semanário Expresso e confirmada pelo Dinheiro Vivo.

O ministério de Pedro Marques, que representa o acionista Estado com 51% do capital da TAP, já anunciou que irá propor a recondução dos seis administradores que já representam o Estado no Conselho de Administração da companhia. Segundo o Expresso, o Estado não levantará objeções à escolha de Antonoaldo Neves. Em comum, Pinto e Neves têm a dupla nacionalidade brasileira e portuguesa e também laços familiares a Portugal - Antonoaldo tem antepassados em Oliveira de Azeméis. Executivo de perfil internacional ligado ao sector da aviação há cerca de 15 anos, foi também responsável pela colocação na Bolsa de NY e de SP da Azul Linhas Aéreas, no que foi o primeiro IPO de uma empresa brasileira nos últimos três anos. Dessa forma sairá do comando Fernando Pinto, que é presidente da TAP há 17 anos, desde que a empresa era estatal. "Só uma empresa feita de grandes profissionais nas várias áreas que a compõem consegue crescer como a TAP cresceu nestes últimos 17 anos. Aliás, fui eu mesmo quem o convidou para nos ajudar no programa de crescimento que lançámos há dois anos, o que lhe permitiu conhecer detalhadamente a companhia", acrescenta.

"A TAP é hoje uma companhia com uma estratégia clara e bem definida, bem posicionada numa estratégia de crescimento", afirma, acrescentando estar "absolutamente seguro de que "com a liderança de Antonoaldo, a TAP continuará neste incrível processo de crescimento".

Curiosamente ou coerentemente, a mesma mensagem que hoje transmitiu aos trabalhadores, em que escreveu: "o meu sentimento hoje é de absoluta realização profissional e pessoal". É altura de fazer um balanço e ele é muito positivo.Há 17 anos, quando cheguei à TAP, tinha como missão privatizar a empresa. Foi pela mão de Fernando Pinto que Antonoaldo Neves entrou na TAP há dois anos para conceber um plano de crescimento da empresa quando o actual Governo reverteu o processo de privatização da empresa. Tanto Humberto Pedrosa como David Neeleman elogiam o percurso de Fernando Pinto, mas não escondem que o caminho da TAP será feito de outra forma: agora mais Azul. É a pessoa certa, e pela qual tenho grande admiração. "De missão cumprida. A empresa está no bom caminho e sinto-me plenamente realizado", refere Fernando Pinto na carta dirigida aos funcionários da TAP, que é citada pela Lusa.

Uber chega esta quinta-feira a Braga
A Uber arranca na cidade com uma parceria do SC Braga para tornar "mais simples" as deslocações de e para o Estádio Municipal. De acordo com a empresa, a partir desta quinta-feira, "a Uber está disponível em Braga ".

"Acredito que devemos todos sentir-nos felizes ao ver aquilo em que a TAP se transformou: numa empresa notável que em 17 anos triplicou o seu tamanho: três vezes mais receitas, três vezes mais passageiros, três vezes mais rotas e três vezes mais aviões".

A TAP transportou 14,274 milhões de passageiros em 2017, um crescimento de 21,7% face ao ano anterior.

As duas companhias (Azul e TAP) também colaboram em muitas partes da aviação, principalmente em voos ligando o Brasil à Lisboa, a grande quantidade de destinos nacionais da Azul permite uma ampla conectividade com os voos da TAP, bem como o mesmo acontece em Lisboa, onde o passageiro pode chegar em vários destinos da Europa.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL