Viçosa registra mais quatro casos suspeitos de febre amarela

Oceane Deschanel
Janeiro 18, 2018

Dos 12 resultados positivos para febre amarela confirmados no Estado, 11 deles resultaram em óbito.

A prefeitura de Viçosa comunica com pesar o falecimento de seu cidadão que estava internado no Hospital Eduardo Menezes, em Belo Horizonte, com diagnóstico suspeito de febre amarela.

O compositor Flávio Henrique está internado com febre amarela no Hospital Mater Dei, em Belo Horizonte.

Essas e outras ações desempenhadas no Estado desde a primeira notificação da doença, em janeiro de 2017, contribuíram para que Minas alcançasse a atual cobertura vacinal de 81%, índice superior ao registrado no mesmo período de 2016, que era de 47%.

Já chega a 15 o número de mortes confirmadas por febre amarela em Minas Gerais. Até o momento, apenas um morador de Brumadinho conseguiu se curar da doença. "É extremamente necessário intensificar a vacinação em todos os municípios, principalmente nas áreas rurais", afirma.

Motorista de Cristiano Araújo condenado por homicídio culposo
O motorista também teve a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) suspensa por dois anos. O acidente ocorreu em junho de 2016, na BR-153, em Morrinhos, no sul de Goiás.

O Ministério da Saúde atualizou nesta terça-feira (16) as informações repassadas pelas secretarias estaduais de saúde sobre a situação da febre amarela no país.

Segundo o levantamento da FGV, a região sudeste do Brasil - onde estão localizados estes Estados e que concentra mais casos - não contou com número suficiente de doses de vacinas de rotina, já que para ser considerado alto o número de doses deveria atingir 80% da população, de acordo com a recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Doses disponíveis - Atualmente, o Estado está abastecido com mais de um milhão de doses da vacina, que já faz parte do Calendário Nacional de Vacinação. A vacina deve ser tomada pelo menos 10 dias antes da viagem. Outros sete pacientes mineiros foram internados e tiveram o diagnóstico da doença confirmado.

"Temos um grande trabalho pela frente para alcançarmos a cobertura ideal de 95% de pessoas vacinadas". Em Belo Horizonte, 152 unidades de saúde funcionarão em regime de plantão neste sábado (20) entre 8h e 17h. Ele está no Centro de Terapia Intensiva (CTI) com quadro clínico grave, segundo o hospital. A PBH informou que fez vistorias para a retirada de focos do mosquito Aedes aegypti, transmissor da forma urbana da doença, próximo à residência dele.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL