Não houve risco de colapso... mas são necessários cuidados — Relatório do LNEC

Rebecca Barbier
Janeiro 20, 2018

"Embora, até à data, não existam indícios de comportamento deficiente da estrutura da bancada, é necessário um melhor apuramento das causas das anomalias identificadas para se julgar sobre a evolução da respetiva segurança", concluem e recomendam os técnicos do Laboratório Nacional de Engenharia Civil.

De acordo com a entidade, as fissuras nas paredes estão circunscritos à laje onde estão assentes as cadeiras, não pondo em risco nenhum dos alicerces que suportam a bancada que não apresentava "comportamento deficiente".

Também a Câmara de Cascais garantiu que "o relatório preliminar dissipa todas dúvidas: a segurança da estrutura e dos adeptos nunca esteve em causa", "nem no jogo de 15 de janeiro [com o FC Porto], nem no passado".

Bardot acusa atrizes de 'atiçarem' produtores por papéis
Uma centena de mulheres, entre elas a atriz Catherine Deneuve , assinaram uma carta em contraposição à onda de denúncias surgida após o caso Weinstein, e defenderam "uma liberdade de importunar" dos homens.

O relatório preliminar do LNEC ao incidente verificado na bancada do estádio António Coimbra da Mota garante que os adeptos do F.C. Porto não correram perigo, mas observa que "é necessário um apuramento das causas das anomalias verificadas" na laje térrea "para se julgar sobre a evolução da segurança" da estrutura. A recomendação do LNEC é que sejam realizadas ações "de imediato". É constituída por uma laje, betonada, diretamente sobre o aterro (laje térrea) e contra os pilares, sem ligação estrutural.

Por fim, o LNEC aponta o modo como a reabilitação da bancada vai ser feita, cumprindo todas as medidas de segurança. "Por determinação da Liga Portugal, a bancada permanecerá interditada até ao final das obras aconselhadas pelo LNEC", pode ler-se em comunicado hoje divulgado pela Liga. Isto significa que os canarinhos poderão jogar a 2ª parte do encontro contra o Porto, a 21 de fevereiro, noutro estádio, bem como "receber" o Sporting, com quem jogam no início do mês de fevereiro, numa casa emprestada.

A bancada norte do Estádio António Coimbra da Mota, na Amoreira, abateu durante o jogo Estoril-Porto.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL