Previdência tem deficit de R$ 268,8 bilhões em 2017, diz governo

Patrice Gainsbourg
Janeiro 22, 2018

Em outubro de 2017, ao comentar a proposta, o Ministério do Planejamento informou que a proposta teria impacto extra de R$ 1,9 bilhão, por ano, para diminuir o déficit do Regime Próprio de Previdência dos Servidores (RPPS).

Em 2017, a Previdência Social registrou um déficit nominal de R$ 182,4 bilhões, crescimento de 21,8% em relação a 2016. No regime de servidores da União, o rombo foi de R$ 86,348 bilhões em 2017, também o maior já registrado. Segundo Caetano, a previdência rural é "estruturalmente deficitária". Mesmo assim, são valores significativos, destacou o secretário. Em 2016, essa proporção era de 8,1%.

Além do aumento no déficit, a quantidade de benefícios previdenciários pagos pelo INSS também cresceu. A alta foi de 2,1% em 2017 ante o ano anterior, mas ficou dentro do previsto, segundo Caetano. Este é o valor do déficit com aposentadorias e pensões pagas a funcionários públicos e militares e ele teve uma alta de 11,6% em relação a 2016. O aumento no rombo foi de 54,7% no ano passado, para R$ 71,709 bilhões. A arrecadação líquida do rural somou R$ 9,3 bilhões no ano passado e a despesa R$ 120,040 bilhões.

Jonas faz dois, e Benfica derrota o Chaves no estádio da Luz
O intervalo chegou sem que os flavienses tenham conseguido atormentar verdadeiramente o último reduto à guarda de Bruno Varela. Brasileiro é o eleito de Rui Vitória para ocupar o lugar de André Almeida no lado direito da defesa encarnada .

O secretário de Previdência Social afirmou que a tendência é a Previdência urbana continuar deficitária devido ao envelhecimento da população. Os resultados foram divulgados na manhã desta segunda-feira (22/1) pela Secretaria de Previdência do Ministério da Fazenda. "Tem um impacto positivo, que é o efeito distributivo, mas tem o impacto nas contas públicas", disse.

A votação da Reforma na Câmara do Deputados é esperada para 19 de fevereiro. Segundo dados da Secretaria de Previdência Social, se considerados os números corrigidos pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), o resultado negativo do INSS chegou a R$ 183,923 bilhões em 2017. Além disso, a concentração de pagamentos devidos pelo 13º em dezembro pode ter influência.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL