Justin Timberlake homenageia Prince no intervalo do Super Bowl

Rebecca Barbier
Fevereiro 6, 2018

Nesta semana, Justin Timberlake conquistou sua 19º entrada no top 10 da lista do Hot 100 com a faixa 'Say Something', parceria com o cantor country Chris Stapleton.

O cantor Justin Timberlake se apresentou pela terceira vez no tradicional show de intervalo do Super Bowl.

A grande final do futebol americano, que é como quem diz Super Bowl, é um dos programas mais esperados da televisão norte-americana - e são os intervalos mais bem pagos da história da TV, por 30 segundos o preço pode ultrapassar 1 milhão de dólares. Desde a possibilidade de participação de Janet Jackson ou de uma reunião do 'NSYNC, a apresentação de Timberlake foi envolta de muito mistério. A sua infame actuação desse ano ficou marcada pelo acidente de vestuário que fez com que Janet Jackson, que cantou ao seu lado, mostrasse o mamilo.

Mais Crash Bandicoot em 2019
Vamos ver então se o que sairá disso será uma nova leva de remakes ou um jogo inédito tendo o simpático Crash como protagonista. Sane Trilogy lançado o ano passado foi grande sucesso para a Activision , e pelos vistos é o renascer da série.

Em 2018, Timberlake foi criticado por actuar sozinho.

Ele se senta ao piano e passa para uma parte mais emocionante com Until the End of Time, que serve de gancho para uma bela homenagem ao Prince. Em causa estava o ódio de Prince pela representação digital de artistas já mortos, uma tecnologia que o autor de Purple rain considerava "demoníaca", de acordo com uma entrevista à revista Guitar World em 1998.

Desta forma, foi através de um vídeo exibido numa tela a meio do terreno do jogo que foi feita a devida homenagem, com a cor púrpura em destaque, para gáudio dos fãs de ambos.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL