MADRUGADA: Lei Seca após carnaval prende 13 embriagados

Patrice Gainsbourg
Fevereiro 12, 2018

250 Veículos abordados e seus condutores revistados. "Nossas fiscalizações estarão concentradas também para garantir o bem-estar das pessoas que moram próximas desses empreendimentos", afirmou o diretor-presidente do Detran-AM, Vinicius Diniz.

Durante as blitze, nas avenidas Treze de Maio e Portugal com a Campos Salles, foram fiscalizados 267 veículos.

Onze motoristas foram presos na noite desta sexta (9) em blitz da Lei Seca, em Cuiabá, no primeiro dia da operação neste feriado prolongado de carnaval.

No período, foram registradas 250 infrações. Dos motoristas que realizaram o teste do bafômetro, quatro se recusaram a soprar no aparelho e 18 apresentaram estado de embriaguez.

Mano exalta atuação de Fábio em 'jogo mais difícil' do Cruzeiro
A atuação de Fábio contra o Democrata-GV foi a melhor do goleiro do Cruzeiro na temporada 2018. Reserva de Egídio, Marcelo Hermes aguardou algumas rodadas para poder estrear pelo Cruzeiro .

Um dos motoristas foi preso após o teste de alcoolemia registrar 0,72mg/L de álcool no sangue. Segundo o governo do estado, isso representa um aumento de 15% em relação ao Carnaval do ano passado. As punições, antes previstas entre 2 e 4 anos, partem de 5 e podem chegar a 8 anos, além da suspensão do direito de obter habilitação para dirigir.

Durante a operação, na noite de sexta-feira, agentes do Detran-AM apreenderam uma espingarda carregada, calibre 36, com cano cortado, em um posto de combustíveis, na Avenida Timbiras, no bairro Cidade Nova, zona norte. O condutor foi encaminhado ao 6º Departamento Integrado de Polícia (6º DIP), onde foi autuado por porte ilegal de arma de fogo.

"Gostaria de pedir que as pessoas não passem trotes para o número do Disk-Pileque. O nosso objetivo é proporcionar mais segurança ao folião na volta para casa", reforçou o coordenador da Operação Lei Seca.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL