Ronaldo bisa e ajuda o Real Madrid a vencer

Vincent De Villiers
Março 4, 2018

O Getafe é o décimo, com 36.

A vitória dá moral ao time treinado por Zidane para a partida decisiva contra o Paris Saint-Germain, em Paris, na próxima terça-feira, pelas oitavas de final da Liga dos Campeões, em que o Real pode até perder por um gol de diferença. O Real Madrid enfrenta o Eibar no sábado, 10, às 9 horas, no Ipurúa.

Reduzida a dez elementos, depois da expulsão de Remy, a formação do Getafe ainda viria a reduzir de grande penalidade, por Portillo, corria o minuto 65, mas Cristiano Ronaldo viria a desfazer todas as dúvidas ao corresponder de cabeça a um cruzamento do lateral brasileiro Marcelo, aos 78 minutos do segundo tempo.

O Real, porém, foram letais, não desperdiçando a primeira oportunidade que surgiu. Messi já tinha atingido a marca, mas precisou de mais jogos para tal feito (334 partidas contra 286 do astro português). No primeiro tempo, o Getafe até começou assanhado, mas o time de Zidane controlou a partida com o tempo, obrigando o adversário a se limitar a jogar na retranca, que foi furada com gol de Bale, aos 23 minutos.

Trump quer dialogar com a Coreia do Norte 'sob condições adequadas'
Também no domingo, a Coreia do Norte classificou as mais recentes sanções unilaterais dos Estados Unidos como um "ato de guerra". Recentemente, autoridades da Coreia do Sul publicaram um relatório acusando a Coreia do Norte de estar por trás destas invasões.

Quando tudo indicava que os times iriam para o vestiário com 1 a 0 no placar, Cristiano Ronaldo apareceu.

Não bastasse a boa vantagem, a vida do Real no jogo ficou mais fácil aos 2 minutos do segundo tempo.

Afastado dos gramados desde o último dia 18, quando sofreu uma contusão na coxa, Marcelo entrou no lugar do Theo. Aos 45, Cristiano Ronaldo recebeu dentro da área, driblou dois e bateu de esquerda, no canto, ampliando o marcador com um belo gol.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL