"A Forma da Água" é o grande vencedor do Oscar 2018

Rebecca Barbier
Março 5, 2018

Para além do prémio de melhor filme, no qual venceu perante "Dunkirk", "Foge", "A Hora Mais Negra", entre outros, Guillermo Del Toro venceu ainda na categoria de melhor realização.

Oscar de Melhor Fotografia vai para 'Blade Runner 2049' - é a segunda estatueta que o filme leva por ora.

O que os nove indicados na categoria melhor filme do Oscar 2018 têm em comum? Elisa (Sally Hawkins), zeladora em um laboratório experimental secreto do governo, se afeiçoa a uma criatura fantástica mantida presa no local e elabora um arriscado plano de fuga.

A esperada vitória de Guillermo del Toro nas categorias de Melhor Filme e Melhor Direção por A Forma da Água é um dos marcos mais relevantes do Oscar deste ano: os estrangeiros estão com tudo em Hollywood.

As previsões colocam "Três Anúncios Para um Crime" como favorito para levar o Oscar de melhor filme, seguido de perto por "A Forma da Água".O longa de Martin McDonagh sobre uma mulher que paga por três outdoors publicitários para protestar contra o abandono da investigação policial sobre a morte de sua filha é também favorito para levar as estatuetas de atuação por Francis McDormand e Sam Rockwell.A sátira racial "Corra!" - dirigida pelo principiante Jordan Peele na forma de um filme de terror - poderia sair como inesperada vencedora e ficar com a estatueta após ganhar o prêmio de melhor filme e melhor diretor no Spirit Awards de cinema independente que aconteceu neste sábado (3). Entre os coadjuvantes, Sam Rockwell (Três Anúncios Para Um Crime) e Allison Janney (Eu, Tonya) devem, merecidamente, vencer.

Proteção Civil registou 490 ocorrências
O IPMA colocou sob aviso amarelo, um dos menos graves, os distritos de Aveiro, Leiria, Coimbra, Lisboa, Setúbal, Beja e Faro até às 09:00 de sábado.

Assim como aconteceu o ano passado, Warren Beatty e Faye Dunaway voltaram a anunciar o vencedor de Melhor Filme, mas desta vez sem erros.

O cineasta James Ivory, de 89 anos, conhecido por filmes como "Quarto com vista" e "Maurice", ganhou o melhor argumento adaptado, por "Chama-me pelo teu nome", tornando-se o mais velho vencedor de um Oscar.

De regresso a um tom mais sério, Salma Hayek, Ashley Judd e Annabella Sciorra (atriz que declarou ter sido violada por Harvey Weinstein) subiram ao palco para falar do movimento Time's Up com depoimentos de nomes como Mira Sorvino, Greta Gerwig, Lee Daniels, Geena Davis, Kumail Nanjiani, ou Ava DuVernay, acerca das dinâmicas de mudança em Hollywood. Esse foi um excelente ano para ela, que concorre tanto por A Bela e a Fera quanto por O Destino de Uma Nação, filme que deve levar o prêmio de Melhor Maquiagem e Cabelo. Já Roger Deakins, de 68 anos, levou seu primeiro Oscar depois de 13 indicações ao prêmio. "Então eu quero dedicar isso a todos que me deixam levantar a voz", celebrou o roteirista, que também dirige o filme. "O mundo está a olhar para nós, precisamos de ser um exemplo" disse o anfitrião da cerimónia, Jimmy Kimmel.

"No ano em que os homens se equivocaram tanto, as mulheres começaram a sair com peixes", afirmou, referindo-se à "A forma de água". "Eu sou um imigrante, como muitos de vocês. Muros só vão piorar as coisas", afirmou.

O longa-metragem pior classificado nesta edição é The Post: A Guerra Secreta, de Steven Spielberg, com uma pontuação média de 7,3.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL