CTT gastam 12 milhões em indemnizações no quarto trimestre

Judith Bessette
Março 8, 2018

O lucro líquido reportado dos CTT tombou 56,1% em termos homólogos para 27,3 milhões de euros no ano passado, com um aumento ligeiro nos rendimentos a não ser suficiente para compensar subidas nos gastos operacionais e na provisões.

A informação foi avançada num comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

Estas quebras do EBITDA (-20,5%) e EBIT (-48,2%), referem os Correios, tiveram "origem fundamentalmente": em 2017 na "queda de tráfego de correio, provisões de gastos relativos à otimização de recursos humanos, entrada da Transporta no grupo", em 2016 no "acordo com Altice e significativa reversão de provisões".

Os rendimentos operacionais do Banco CTT, que faz dois anos em 18 de março, ascenderam a 7,6 milhões de euros, o que compara com cerca de um milhão de euros em 2016, anunciaram esta quarta-feira os CTT. Para este ano, os Correios antecipam uma "queda do volume do correio entre 5% e 6%", garantiu o CEO, Francisco de Lacerda, durante a apresentação de resultados, depois de terem caído 5,6% em 2017, acima do que era esperado.

Após agressão, Naldo afirma ter reatado com Mulher Moranguinho
O casal estava separado desde dezembro do ano passado, quando a empresária denunciou o cantor por agressão. Na hora dos parabéns, Naldo e Moranguinho se vestiram de príncipe e de Branca de Neve , respectivamente.

Os rendimentos operacionais subiram 2,5% para 714,3 milhões de euros, "influenciado pela mais valia e os juros associados a venda dos imóveis da Rua de S. José em Lisboa (16,3 milhões)".

O tráfego de correio endereçado caiu 5,6% enquanto o tráfego de correio expresso e encomendas disparou 21,5% em Portugal e 26,1% em Espanha.

O Caixa BI previa um resultado líquido de 30,6 milhões de euros, receitas de 691,4 milhões e um EBITDA de 79,8 milhões.

Atualmente, o Banco CTT está presente em 208 lojas e conta com 285 mil clientes, através da abertura de mais de 226 mil contas de depósitos à ordem.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL