Câmara aprova transmissão de 'A Voz do Brasil' em horário alternativo

Patrice Gainsbourg
Março 15, 2018

Você escuta A Voz do Brasil, que passa obrigatoriamente nas rádios do país entre 19h e 20h?

A Voz do Brasil é um programa de rádio criado em 1935 por Armando Campos.

A Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira o projeto de lei que flexibiliza o horário de transmissão do programa de rádio "A Voz do Brasil", veiculado pela Empresa Brasil de Comunicação (EBC), do governo federal. Pelo texto aprovado, a transmissão integral do programa deverá ocorrer dentro do intervalo das 19h às 22h, de segunda a sexta-feira. Nos sábados, domingos e feriados, o horário continua a ser às 19 horas.

As rádios educativas continuam obrigadas a transmitir às 19 horas, assim como as vinculadas aos poderes legislativos nos dias em que não houver sessão deliberativa no plenário da respectiva Casa.

Pela quarta vez, Angela Merkel é reeleita chanceler da Alemanha
Depois do anúncio do número de votos, a chanceler foi aplaudida, mas não pelos membros do Partido Social-Democrata (SPD). A reeleição de Merkel coloca fim a seis meses de bloqueio político na maior economia da União Europeia.

Pela proposta aprovada pela Câmara, que segue para sanção do presidente Michel Temer, a veiculação poderá ser entre 19h e 22h. "Estamos, aqui, corrigindo uma deficiência que existe hoje". Ao todo, serão 25 minutos destinados às notícias do Poder Executivo; e 30 minutos para o Poder Legislativo, sendo 10 minutos com informações do Senado e 20 minutos com notícias da Câmara; e cinco minutos para o Poder Judiciário. Atualmente, o noticiário deve ser transmitido necessariamente entre 19h e 20h. "Há gente transmitindo das 23h à meia-noite, tem gente transmitindo depois da meia-noite e isso significa que A Voz do Brasil não tem o eco que deveria ter, amparado na lei", comenta o parlamentar. O partido tentou, com requerimentos, adiar a votação do projeto (PL 595/03).

Já os favoráveis a flexibilização argumentaram que o programa não vai acabar e, sim, dar a opção para que as rádios coloquem no ar outras transmissões, como jogo de futebol ou informações sobre o trânsito.

Emissoras de rádio educativas, por exemplo, terão de iniciar a transmissão do programa obrigatoriamente às 19h.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL