Ataque hacker no YouTube tira do ar vídeo de Despacito [ATUALIZADO]

Rebecca Barbier
Abril 10, 2018

O clipe mais visto da história do YouTube foi retirado do ar. Um dos responsáveis pelo ataque terá publicado uma mensagem no Twitter em que explica que apesar do ataque "ama o YouTube".

Qual seria o vosso alvo?

Os hackers, autonomeados de Prosox e Kuroi'sh, lançaram mensagens pela libertação da Palestina ou simplesmente colocaram os seus nomes.

Botafogo e Vasco disputam neste domingo a final do Carioca — Ao vivo
Botafogo e Vasco se enfrentam neste domingo (9), às 16h, no Maracanã , na segunda partida da decisão do Campeonato Carioca . Saiba mais informações sobre o confronto e veja como os times chegam para a disputa da final do Campeonato Carioca 2018 .

Vídeos de Shakira, Selena Gomez, Drake e Taylor Swift também foram vítimas de ataques hackers.

O YouTube e os artistas não comentaram o ataque às contas. Os invasores alteraram o nome do vídeo para incluir a própria assinatura e trocaram a imagem de identificação por uma cena da série espanhola La Casa de Papel, sucesso mundial da Netflix. Alguns outros vídeos também foram marcados como não listados, enquanto outros permanecem com o título "x - Hacked by Prosox & Shade Fuck Illuminati", por exemplo. "Depois de observarmos uma atividade incomum de upload em alguns canais da Vevo, trabalhamos rapidamente com nosso parceiro para desativar o acesso enquanto eles investigam o problema", diz o comunicado.

O YouTube sofreu um ataque hacker nesta terça-feira (10) e teve vários vídeos retirados no site. Na lista de vídeos com mais likes, a música de Luis Fonsi também aparece na primeira posição ao somar aproximadamente 27 milhões de "gosteis". Antes deles, "Gangnam Style", do sul-coreano Psy reinava absoluto no YouTube, desde 2012.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL