Acidente entre ônibus, carreta e caminhonete deixa sete mortos na BR 116

Judith Bessette
Abril 24, 2018

Seis pessoas morreram em um acidente envolvendo uma caminhonete, uma carreta e um ônibus na BR-116, próximo a Governador Valadares, na madrugada desta segunda-feira (23).

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), 13 pessoas ficaram feridas, sendo que as que estavam em estado mais grave foram conduzidas ao Hospital Municipal de Governador Valadares, enquanto outras foram encaminhadas a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da mesma cidade. Tudo aconteceu por volta da 0h desta segunda-feira. Não ficou claro se os motoristas da carreta e da caminhonete ficaram feridos após o acidente. Em ziguezague, conforme relatos obtidos pelos policiais, o veículo invadiu a contramão e bateu na carreta que, desgovernada, foi para a pista contrária e colidiu de frente com o ônibus.

Entre as vítimas fatais, estavam duas idosas, de 76 e 75 anos, um estudante de 20 anos e um policial reformado, que não teve nem sua idade nem sua identidade revelada. Os corpos estão no IML (Instituto Médico Legal) de Governador Valadares a espera da liberação.

O coletivo de turismo havia sido fretado para levar o grupo de pessoas de Itaobim, no Vale do Jequitinhonha, para Belo Horizonte.

Desembargador concede liberdade a médica suspeita de atropelar verdureiro
Francisco foi atropelado quando terminava de travessar a via e teve o corpo arremessado contra uma árvore do canteiro central. A juíza negou tal pedido neste domingo, informando que a análise do pedido deverá ser feita pelo juiz responsável pela vara.

O G1 entrou em contato com a empresa de turismo responsável pelo ônibus, mas ninguém foi encontrado para comentar o caso. Os outros dois mortos ainda não foram identificados.

Os feridos foram levados por equipes de socorristas para um hospital em Governador Valadares.

A rodovia precisou ficar interditada por cerca de quatro horas, para que os veículos e a carga da carreta fossem removidos da via.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL