Homem registrado como desaparecido após desabamento é encontrado em MG

Judith Bessette
Mai 10, 2018

Uma das pessoas dadas como desaparecidas [VIDEO] em meio aos escombros do Edifício Wilton Paes de Almeida, no Largo do Paissandu, em São Paulo, que desabou no último dia 1°, após um incêndio, foi localizado nesta quarta-feira (9). A informação foi confirmada pelo delegado seccional do Centro, Marco Antônio de Paula Santos.

Com a localização de Artur Hector de Paula, de 45 anos, o número oficial de desaparecidos foi atualizado para seis. Ele teria pedido para vizinhos dizerem que ele não havia sido visto.

Na manhã desta quarta (9), os bombeiros encontraram os restos mortais de mais uma vítima entre os escombros.

Com a confirmação de que Artur está vivo, o Corpo de Bombeiros busca oficialmente seis pessoas: Francisco Dantas, de 56 anos, Selma Almeida da Silva, de 41 anos, e os filhos gêmeos dela, Werder e Wendel, de 10 anos, e o casal Eva Barbosa Lima, de 42 anos, e Walmir Souza Santos, de 47 anos.

Grêmio vence o Goiás e avança de fase na Copa do Brasil
Mostrando que iria lutar até o suspiro final, o time esmeraldino acabou premiado com um golaço de Maranhão logo aos seis minutos. A equipe gaúcha divide seu foco entre a Copa do Brasil , Campeonato Brasileiro e Copa Libertadores, da qual é atual campeã.

Foram encontrados ossos da pélvis e vértebras com auxílio cadela farejadora Vasti.

Na última sexta-feira (4), os bombeiros encontraram a primeira vítima do desabamento, identificada como Ricardo Oliveira Galvão, de 39 anos.

O Instituto Médico Legal foi ao local para recolher os fragmentos para análise.

"Esses ossos foram encontrados no subsolo, um local diferente de onde foram achados os outros ossos de ontem", disse o capitão Marcos Palumbo, porta-voz dos bombeiros.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL