Facebook anuncia serviço para detectar e combater 'fake news' no Brasil

Eloi Lecerf
Mai 12, 2018

O Facebook anunciou que seu sistema de checagem de notícias e indicação de fake news chega na próxima semana ao Brasil.

Ontem, o Facebook anunciou oficialmente o lançamento de um programa de combate às fake news no Brasil.

Além disso, a ferramenta da rede social permite uma convergência entre as informações e as páginas que repetidamente compartilharem notícias falsas, para que o alcance de publicação seja diminuído. Para isso, realizou uma parceria com duas agências de verificação de fatos (ou fact checking, como é conhecida em inglês essa expressão), a Aos Fatos e a Agência Lupa.

Os usuários e os administradores de páginas serão alertados quando tentarem compartilhar um conteúdo comprovadamente falso.Além disso, a verificação poderá ser associada à postagem original e aparecer no Feed por meio do recurso 'Artigos Relacionados', do Facebook. Para uma notícia ser avaliada ela precisa ser denunciada como "falsa" por um usuário. A ação é uma parceria com as agências de checagem Aos Fatos e Agência Lupa. Ao ser lançada como um método de demonstrar aos usuários que links compartilhados poderiam ser mentirosos, o Facebook percebeu que tal indicação não apenas não resolveu o problema como o amplificou, motivando usuários, movidos por posicionamentos políticos, a compartilharem os links falsos ainda mais.

Facebook ganha o direito de transmissão da libertadores a partir de 2019
Facebook e Conmebol disseram à Folha não ter nada a comentar sobre o assunto. No Brasil, a competição pertence ao Esporte Interativo .

Fora o feedback da comunidade, o Facebook também terá algoritmos que ajudarão a indicar possíveis fake news.

Nos EUA, por exemplo, a mesma iniciativa reduziu em 80% a distribuição orgânica de notícias consideradas falsas por agências parceiras do Facebook por lá.

Outra providência será que os textos não poderão ser impulsionados por meio de pagamentos.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL