Tite esconde lista de 35, mas revela presença de Dedé: "Ele merece"

Vincent De Villiers
Mai 14, 2018

A seleção brasileira que tentará quebrar um jejum de 16 anos e trazer o hexa da Copa do Mundo será conhecida nesta segunda-feira, a partir das 14 horas, quando o técnico Tite anunciará a lista de 23 convocados para o Mundial da Rússia. Desta vez, a comissão técnica optou por maior sobriedade: o auditório da sede da CBF, como aconteceu em quase todas as outras convocações. Questionado se o Brasil vai ser campeão, respondeu: "Não sei, mas vai jogar pra caralh..."

Fágner, do Corinthians, larga na frente para assumir a titularidade da posição no Mundial uma vez que foi convocado mais vezes por Tite durante a preparação para a Copa, apesar de ter enfrentado recentemente uma contusão. "Tem que ser muito cabaço".

Tite assumiu o comando da seleção brasileira em 1º de setembro de 2016.

"Após a realização dos exames, Rodrigo e Edu entraram em contato com o técnico Tite passando a mensagem de que Fágner reúne condições de plena recuperação até a Copa do Mundo", acrescenta a nota.

Indulto do Dia das Mães inclui grávidas, mulheres transexuais e indígenas
Como o benefício é abrangente, o texto prevê que os tribunais podem organizar mutirões para atender às determinações do indulto. Em nenhum dos casos, porém, as mulheres podem ter sido punidas por falta grave nos últimos 12 meses de pena.

A grande ausência ficará por conta do lateral-direito Daniel Alves. Segundo Tite, o desempenho de cada atleta em suas equipes e principalmente nos momentos em que foi convocado determinou sua convocação ou não. Confirmando as expectativas, dois jogadores do Corinthians apareceram na lista da Seleção: Cássio e Fagner.

A Seleção chegará a Sochi, cidade russa que hospedará a delegação, na noite do dia 10.

O treinador deu uma cara à seleção brasileira. Tanto que em sua sétima convocação abriu espaço para Cássio e Luan, que ainda vivem expectativa de ver seus nomes na lista final do comandante. Seis nomes já estão certos: Casemiro, Fernandinho, Paulinho, Renato Augusto, Philippe Coutinho e Willian foram presenças constantes nas listas de Tite e irão à Copa. Se Marcelo é o titular da lateral-esquerda, resta saber quem será seu suplente: Filipe Luís ou Alex Sandro. Arthur, do Grêmio, e Giuliano, do Fenerbahçe, estão ansiosos.

Se para os amistosos contra Japão (3 a 1) e Inglaterra (0 a 0) em outubro de 2017, Tite não apresentou novidades, neste ano, nos últimos compromissos antes da divulgação da lista final, sem o lesionado Neymar, se deu ao direito de promover os últimos testes diante de Rússia e Alemanha.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL