Roberto Mancini já não é treinador do Zenit

Vincent De Villiers
Mai 15, 2018

Roberto Mancini tem como principais trabalhos as passagens pela Internazionale, com a qual venceu o Campeonato Italiano três vezes seguidas, e pelo Manchester City, que conduziu ao título do Campeonato Inglês na temporada de 2011/2012.

A imprensa esportiva italiana especula que a chegada de Mancini possa marcar o retorno de Mario Balotelli à seleção, devido à boa fase do atacante no Nice.

O último jogo de Mancini pelo Zenit será neste domingo, frente ao SKA, para a última jornada da Liga Russa. O vínculo de Mancini com a seleção de seu país tem duração até 2020, na EuroCopa, com possibilidade de renovação até 2022, no Mundial do Catar.

Primeira-dama dos EUA é operada de um problema renal 'benigno'
A operação foi feita na sequência de um " problema benigno no rim ", pode ler-se no mesmo comunicado. "O procedimento foi bem-sucedido e não houve complicações".

O anuncio foi feita nesta segunda pela Federação Italiana de Futebol, após assinatura do contrato.

Imediatamente após a eliminação da Copa do Mundo, o técnico Gian Piero Ventura deixou o comando da seleção e o presidente da FIGC, Carlo Tavecchio, renunciou ao cargo.

À espera da oficialização, a seleção italiana tem sido treinada interinamente por Luigi Di Biagio, técnico da seleção sub-21.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL