Atlético de Madrid e Marseille decidem Liga Europa nesta quarta

Vincent De Villiers
Mai 16, 2018

No Parc Olympique Lyonnais, a bola vai começar a rolar às 19:45 de Lisboa (15:45 de Brasília).

As equipes chegam na decisão após conseguirem a vaga de diferentes formas. As equipes se enfrentaram pela Champions League de 2008/09.

Último jogo: Getafe 0-1 Atlético (Koke 8) O Atleti precisa de somar apenas um ponto na derradeira jornada, contra o Eibar, para garantir o segundo lugar na Liga espanhola, depois de um golo de Koke - o seu sexto da temporada - ter garantido um triunfo fora de portas, triunfo para o qual Jan Oblak contribuiu também de forma decisiva, ao defender uma grande penalidade perto do fim, coroando assim (mais) uma excelente actuação.

Restando quatro minutos para o fim, Rolando, zagueiro que havia entrado no intervalo do tempo extra, diminuiu o placar e classificou os franceses para a tão sonhada final. No geral, o time de Madrid marcou dois gols e sofreu um.

Porém, quando se fala de história como um todo, o Olympique de Marselha tem um trunfo que o Atlético chegou perto, mas não conquistou: a taça da Champions League. Agora, luta pelo título inédito nesta quarta-feira para expandir sua sala de troféus. Para que Diego Costa faça o mesmo, é de 2.87. Mal nos vimos afastados da Champions League, apontámos de imediato baterias a esta competição.

Vitor Belfort perde para Lyoto Machida e anuncia aposentadoria do UFC
Oleinik encaixou um ezequiel de frente no brasileiro e acabou com a luta com um minuto e 45 segundos no primeiro round. Mas, em luta inicialmente com poucas emoções, os veteranos receberam vaias da torcida que marcou presença no local.

O episódio gerou críticas a todo o elenco, sem exceções, sobrando dúvidas até sobre o fim do legado de Simeone e um possível 'corpo mole' de Griezmann, que há tempos vem sendo sondado por clubes europeus e posto como reforço dos mesmos nos jornais.

Joe Walker, Atlético (@UEFAcomJoeW) Simeone e os seus pupilos têm do seu lado a experiência de saberem o que é disputar os grandes jogos, mesmo que as suas últimas presenças em finais não tenham terminado em vitórias. "Somos similares em diversas situações do jogo". Ainda nos desfalques, os jogadores Gimenez e Vitolo eram desfalques nos dias recorrentes à partida, porém, foram relacionados por Simeone e devem estar presentes no banco de reservas. Ainda para mais, jogando no seu país, ainda que afastado da sua cidade. Inclusive, o atacante fará a final bem perto de casa: ele nasceu em Macon, cidade a 70 km de Lyon que contém apenas 33 mil habitantes, e todos são fãs do jogador.

Além de ser considerada 'zebra', o OM tem como esperança finalmente conquistar o troféu da Europa League, competição que bateu na trave por duas vezes nas décadas anteriores. Mas nas finais da Liga Europa, a equipe perdeu em 1999 e 2004.

Naquele ano, o Valencia de Rafa Benítez acabou levando a melhor e venceu por 2 a 0 o Marselha de José Anigo.

Outros relatórios LazerEsportes

Discuta este artigo

SIGA O NOSSO JORNAL